COMPARTILHAR

Por mais que muitas marcas chinesas apresentam medo de investir no mercado mobile do Brasil, algumas veem tomando espaço conforme o tempo. Uma que aos poucos vem conseguindo se mostrar presente no mercado de smartphones é a Meizu que incrivelmente está conseguindo manter valores bem interessantes em aparelhos com configurações atrativas.

Muitas pessoas ainda parecem ter certo medo de comprar marcas chinesas, mas se pararmos para pensar, todas as peças acabam vindo de lá, seja de um jeito ou de outro. A Meizu aqui é representada pela Vistation e na sua chegada deu alguns vacilos, querendo empurrar apenas um kit com vários acessórios e um valor bem salgado, porém agora parece que ela está no rumo certo.

O próximo smartphone Meizu a chegar no Brasil será o M3S, aparelho com hardware bem interessante e valor a partir de R$ 899,00. O aparelho foi lançado lá fora em junho do ano passado e realmente pode ser um pouco ultrapassado, mas nada que chegue a atrapalhar seu desempenho.

O Meizu M3S conta com uma tela IPS LCD de 5 polegadas (com resolução HD), processador Mediatek MT6750 octa-core de 1,5GHz, memória RAM de 2 GB, memória interna de 16 GB (que pode ser expansível via cartão microSD de até 128 GB). Sua câmera traseira conta com 13 MP, tendo uma abertura f/2.2 e sua câmera frontal conta com 5 MP.

Uma das partes que mais deixam aparente que o smartphone Meizu foi lançado no meio do ano passado, é seu sistema operacional. O aparelho conta com Android 5.1 (Lollipop) e não tem previsão de atualização (algo que provavelmente não vai acontecer).

Compensa importar?

Como falamos, o smartphone Meizu M3S chegará a partir de R$ 899,00, mas em lojas internacionais, como na Gearbest o mesmo smartphone, com as mesmas configurações que passamos está custando em torno de $ 135, o que daria em torno de R$ 430,00 fora possíveis impostos cobrados na alfandega.

Importando você obviamente vai pagar menos, mas vale ressaltar que não terá garantia nacional e também terá que esperar um certo tempo até a chegada aqui no Brasil. Nesse caso fica a seu critério importar, pagando menos, mas perdendo a garantia (e tendo que segurar a ansiedade) ou desembolsar mais dinheiro e ter proteção garantida para possíveis problemas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor entre com seu nome aqui