COMPARTILHAR

Os drones estão no auge e muitas empresas querem entrar nesse mercado, que atualmente está se mostrando muito lucrativo. A grande questão é conseguir se sair na frente de outras empresas, que já estão fixadas nesse mercado, isso apresentando diferenciais.

Por mais que drone não seja apenas um quadricoptero, ou outros gadgets aéreos, muitas pessoas ligam o nome diretamente a isso, mas vez ou outra surgem ideias bem interessantes, que mudam esse conceito e mostram que a palavra “drone” vai muito mais que os quadricopteros da DJi.

A empresa Robosea lançou seu novo drone, o BIKI e seu diferencial é que se trata de um gadget aquático, focado em imagens feitas na água. Claro que pensando na tradução direta, drone seria sim um produto aéreo, no caso não tripulado, mas parece que as coisas estão mudando um pouquinho (em tradução direta, drone seria um zangão).

O BIKI é um “peixe-robô” que pode mergulhar até 60 metros de profundidade, conta com uma câmera que filma em até 4K e uma lente grande angular de 150º e com um belo estabilizador, logo você tem um gadget preparado para fazer excelentes imagens.

Um produto discreto

A empresa Robosea pensou em vários pontos e um dos focos, na hora de criar o BIKI, foi a discrição, logo além do gasdget contar com um design que lembra um peixe, ele é bem silencioso e pode ser facilmente controlado por controle especifico ou até mesmo pelo smartphone.

Feito para tudo

O Robosea BIKI pode ser usado tanto para meio profissional, quanto como um hobby. Entre todas suas possíveis utilidades, você pode tirar excelentes fotos daquele domingão com os amigos na piscina ou até mesmo para facilitar na hora da pesca.

Entretanto o grande foco aqui é realmente em produção de conteúdo submerso. Atualmente existe uma certa dificuldade para produzir imagens de peixes, por exemplo, sendo necessário um grande investimento em equipamentos e tudo mais, com esse novo gadget, ficara bem mais fácil.

Quero um!

Se você quer um Robosea BIKI, é possível ajudar no projeto e ainda levar um para casa. O financiamento colaborativo tem meta de US$ 20 mil e qualquer doação acima de US$ 599 (mais ou menos R$ 2.000), já pode garantir um drone.

Caso queira ajudar, só entrar na página oficial, mas é bom correr, pois falta menos de 2 meses para finalizar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor entre com seu nome aqui